quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Bebê sem sexo cria dúvida em médicos e pais contam drama sobre registro do filho


Há um mês, Natiele Cristina Pereira, 20 anos, de Cambé, região metropolitana de Londrina (PR), luta para descobrir o sexo de seu filho. De acordo a dona de casa, o bebê nasceu com má formação genética e os médicos não sabem ao certo se a criança é menino ou menina.

— O órgão genital é de meninho, mas não está bem formado. A médica
 disse que há 90% de chance de ser realmente um menino, mas só vamos 
ter certeza depois do exame de sangue que o resultado só sai em 
janeiro. É um exame genético. Até lá, não podemos fazer o registro.
 Por enquanto, demos o nome de Rafael.

Natiele ainda conta que tomou um susto quando o bebê nasceu, 
já que “tinha certeza de que era uma menina”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário